Coreia do Sul proibirá reuniões com mais de quatro pessoas

Destaque Mais Brasil

Medida será adotada para controlar a disseminação do coronavírus no Pais

Seoul – Os governos sul-coreanos anunciaram na segunda-feira um plano para proibir reuniões de mais de 4 pessoas em Seul e nas áreas metropolitanas vizinhas para conter a rápida disseminação do coronavírus.

As novas medidas entrarão em vigor a partir de quarta-feira e vão até 3 de janeiro, e valerão para a capital, Seul, além da província de Gyeonggi e Incheon, segundo comunicados divulgados pelos governos.

As ordens administrativas chegam em um momento em que se espera que as reuniões de fim de ano aumentem, apesar de um recente aumento nos casos confirmados diariamente no país.

“Sem diminuir os casos de infecção de cluster que estão se espalhando por meio de reuniões com familiares, conhecidos, colegas e amigos, não podemos superar a crise atual. Esta é nossa última chance de combater o aumento de casos COVID-19”, disse o prefeito de Seul Seo Jeong Hyup disse durante uma reunião de emergência na segunda-feira.

A Coreia do Sul relatou 926 novos casos de infecção na segunda-feira, após relatar um número diário de mais de 1.000 novos casos durante a semana passada.

Com informações Kyodo News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.