Hospital de Kobe recebe doação anônima de 5 milhões de ienes, devolve e recebe de novo

Destaque Mais Japão

O Hospital Geral do Centro Médico da Cidade de Kobe no início deste mês, foi surpreendido com ao receber um envelope via correio. O envelope continha o endereço antigo e como destinatário a “Medicina Geral”, mas ainda assim chegou com segurança. Dentro havia dois outros envelopes com 3 milhões de ienes (US $ 29.000) e 2 milhões de ienes (US $ 19.000) em dinheiro e etiquetados como “hospital” e “câncer infantil” respectivamente, as escritas foram feitas com palavras recortadas de um jornal ou revista.

Embora fosse um método de etiquetagem normalmente reservado para notas de resgate, uma carta interna confirmava a gentileza do remetente. “Fui encorajado [ a enviar dinheiro ] quando estouraram as infecções e os funcionários do hospital foram vilipendiados”, dizia a nota, referindo-se a um cluster ocorrido no hospital no início deste ano.

A nota também solicitava ao hospital que “fizesse bom uso do dinheiro” e estava assinada como “Esperança Anônima”. Não era terrivelmente anônimo, entretanto, já que o nome de uma mulher e o endereço do remetente na Ala Kita de Kobe também estavam escritos no envelope principal.

O hospital verificou seus registros para encontrar um paciente com o mesmo nome, mas nenhuma correspondência foi encontrada. Dadas as várias idiossincrasias do presente, o hospital temeu que um erro pudesse ter sido cometido e devolveu o pacote inteiro.

No entanto, em 9 de outubro, o mesmo pacote chegou novamente, desta vez sem endereço do remetente , sugerindo fortemente que era de fato para eles. Após consultar seus advogados, o hospital finalmente decidiu aceitar a doação e usá-la para aumentar seu estoque de EPI.

O Kobe City Medical Center disse à mídia que foi definitivamente a primeira vez que eles receberam uma doação “anônima”.

Se você também quiser doar diretamente para uma instituição no Japão sem revelar sua identidade, uma boa regra é usar o pseudônimo “Tiger Mask” ou “Naoto Date”. Depois que uma série de presentes com essas definições apareceram ao longo do século 21, esses nomes de personagens de mangá são quase universalmente entendidos aqui como significando que algo é uma doação anônima e deve receber seu presente na primeira tentativa.

Fonte: Asahi Shimbun

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.